Novo modelo reduz o prazo de entrega e conquista consumidor

Eficaz para o cliente, pela comodidade e menor prazo de entrega, e para o seu negócio, com a redução de custos, nova modalidade ganha força no Brasil 

O varejo tradicional começa a despertar para a confirmação de uma nova era inaugurada com a pandemia, impulsionada pela elevada expectativas dos consumidores com uma experiência de compra positiva. O nível de exigência tem pressionado os varejistas a se envolverem de forma personalizada com cada cliente em tempo real, em todos os pontos de contato.

Contudo, oferecer um atendimento aprimorado exige vencer a barreira imposta pela tradicional infraestrutura dos centros de distribuição, que não facilita a aproximação com os clientes.

A solução veio das dark stores, um novo modelo de rede de distribuição omnichannel que oferece um novo sentido às estruturas de lojas físicas já existentes. Apesar de novo por aqui, o modelo já está em uso em países como os Estados Unidos e o Reino Unido, utilizado pelas grandes players do mercado, como Walmart e Carrefour em várias regiões do mundo.

 Um novo conceito de consumidor, novas ferramentas para o varejo

A nova era do consumo adiantou cenários antes imaginados para uma implantação sob demanda. Sua urgência desafiadora, e em escala mundial, não permitiu espaços para lamentações. Passado o primeiro ano da nova ordem de consumo, ficou clara a necessidade de oferecer uma experiência personalizada e positiva para o consumidor. O critério de escolha por este ou aquele produto depende da capacidade de respostas rápidas das empresas às suas necessidades, ou seja, ter acesso aos produtos comprados quando, onde e como quiser – de uma forma ágil, sem transtornos em sua jornada de compra.

Como alcançar isso e atender ao novo consumidor, estando em uma área industrial, longe dos grandes centros urbanos, foi resolvido com um novo modelo de rede de distribuição, que fortalece ainda mais estratégia de omnicanalidade: as dark stores. 

O conceito logístico deste modelo de negócios proporciona também a redução no prazo de entrega das compras realizadas via e-commerce. 

As dark stores são uma espécie de lojas fechadas ao público e que funcionam como pontos de distribuição para atender exclusivamente os canais digitais. São como mini centros de distribuição, situadas nos centros urbanos. O modelo mira na experiência e comodidade do cliente, que pode escolher o melhor canal para as suas compras.

Como funciona?

As dark stores são as responsáveis pela separação e entrega dos produtos comprados nos canais digitais. Instaladas próximas aos centros urbanos, atendem regiões específicas, o que encurta a distância entre o produto e o consumidor final.  

Nesse modelo, as entregas são mais rápidas, ocorrem no mesmo dia ou no seguinte. A cada pedido, o e-commerce cruza informações como a disponibilidade do produto, a menor distância e o menor frete para chegar ao cliente com mais agilidade.

Atrativos e vantagens

Uma vantagem que pode influenciar na decisão de compra do cliente nesta experiência aprimorada é a possibilidade de optar pela coleta do produto na dark store, tendo acesso ao item em mãos no mesmo dia em que a compra foi realizada.

Além de oferecer velocidade ao negócio, o modelo também impacta o custo de frete, o que faz toda a diferença para o comprador. O dado já havia sido revelado pela pesquisa Global Consumer Insights 2018, conduzida pela PwC. Nesse estudo, quase a metade dos brasileiros (45%) tinha interesse em comprar itens básicos pela internet e dois terços deles (64%) afirmaram estar dispostos a pagar mais caro pelo frete, em troca de uma entrega ágil, se possível no mesmo dia.

Com as dark stores, uma boa estratégia logística e o auxílio da tecnologia, as empresas têm todas as condições de atender a essa expectativa.

O modelo é eficaz para o cliente, que tem mais comodidade e menos prazo de entrega, e para o varejista, colocando-o à frente da concorrência pela agilidade de suas operações.

Para a empresa, os benefícios são inúmeros. Suas lojas físicas com pouco movimento, mas localizadas em pontos estratégicos, podem ser transformadas em dark stores. Dependendo do tamanho dessas lojas, nada impede que continuem abertas ao público e possuam uma área específica, dedicada ao fulfillment dos pedidos do e-commerce.

As empresas ganham ainda com a redução dos custos de transporte, além de mitigar os impactos ambientais e emissões de carbono associadas à entrega, incentivam os clientes com a modalidade de retirada local de mercadorias.

Outra vantagem para os varejistas é a facilidade de atender regiões com alto volume de pedidos. Com as estratégias adequadas e o auxílio da tecnologia, as dark stores podem também cobrir locais que possuem muitos pedidos, o que não é possível para uma loja comum se houver limitações de espaço e volume.

Um benefício decisivo para as empresas é o custo reduzido de implantação e operacionalização das dark stores. Esse modelo não exige o mesmo nível de planejamento de uma loja normal, bem como os custos de construção e adequação, significativamente inferiores.

A velocidade com que empresas estão adotando as dark stores reflete a escolha acertada de um investimento financeiro. A modalidade permite visibilidade em tempo real, otimização de espaço e tempo e condiz com uma logística eficiente.

O varejista ganha maior eficiência com o uso de tecnologia nos estágios de recebimento, armazenagem e picking, pois as dark stores são capazes de processar um grande número de pedidos e com alta velocidade.

O que considerar ao escolher uma dark store

O modelo dark store atende a necessidade de oferta de experiência única ao cliente. Realizada de forma correta, a dark store gera lealdade do consumidor, maximiza lucros e minimiza o abandono de carrinho. Seus atrativos atendem expectativas atuais como prazos de entrega curtos, facilidades de compra online e retirada ou devolução na loja.

Nesse modelo, é imprescindível conhecer as preferências do potencial cliente. A organização do estoque, o mix de produtos ofertados e os processos internos devem seguir o perfil delineado em sua estratégia de negócios. Neste aspecto, as ferramentas de análise de dados fornecem informações relevantes sobre os níveis de estoque de cada item, assim como a separação dos produtos mais populares, o que influencia no layout da dark store.

O IT4 360 OMS é um sistema de gerenciamento de pedidos desenvolvido para dar a visão completa de cada etapa da jornada de compra do cliente. Uma solução inovadora e que permite à empresa manter a integridade dos processos, entrada e saída de pedidos, gerenciamento de estoque, atendimento, serviço pós-venda e cadeia de suprimentos.  

 Nascido na nuvem, único no Brasil, o IT4 360 foi projetado para um varejo omnichannel e propõe funcionalidades sempre atuais, visando eficiência para seu negócio. Se você pretende investir no modelo de Dark Store, sugerimos a leitura do nosso ebook para conhecer melhor as funcionalidades que o IT4 360 OMS agrega ao seu negócio. Afinal, para oferecer uma experiência incrível ao cliente é imprescindível descobrir quem ele é e qual a melhor forma de atendê-lo. Tenha em mãos as ferramentas certas para alavancar os seus negócios, fale com nossos especialistas.

Deixe um comentário

Fale com nossos especialistas

Telefone +55 11 5054 6950
Email: contato@it4solution.com.br
Alameda dos Maracatins nº426, cj 309 - 04089-000 - São Paulo - SP